MANIFESTO – As 10 chaves que você precisa para uma vida ideal

thumb

Você já sonhou em viver em uma praia bebendo caipirinhas e água de coco todos os dias?

É a típica imagem de vida ideal das pessoas. Dinheiro “infinito”, não precisar trabalhar e viver de sombra fresca por toda a vida.

Mas eu tenho uma má notícia para você, jovem. Viver desse jeito é uma merda. A grama do vizinho sempre parece mais verde!

Não é a toa que Tim Ferriss fica constantemente entediado, depressivo e viciado em café e pornografia. O autor do best seller “Trabalhe 4 horas por semana” dedica um capítulo inteiro do seu livro para falar sobre o lado negativo de não precisar trabalhar.

A graça nas histórias está sempre no climax – a problemática, o desafio e a evolução do personagem.

Hoje você vai conhecer o nosso manifesto para uma vida ideal e 10 animais que as representam.

Ele não está talhado em pedra e muito menos é um mandamento para a raça humana. É apenas a nossa sugestão após estudar o estilo de vida de diversas pessoas muito felizes:

1. Movimento

vida ideal

Aquelas curvas nas costas dizem tudo: movimento!

Uma vida incrível precisa de movimento.

É acordar com energia para correr atrás de sonhos. É se levantar e ir de frente superando desafios.

Ter os mesmos problemas, dificuldades e medos todos os dias não pode ser uma vida ideal para ninguém. É uma vida cômoda que não incentiva o desenvolvimento.

Não existe vida sem movimento. Seu coração não pode parar nem por um segundo e o mesmo acontece com a nossa alma. Você deve se manter em movimento e em constante interesse pelo mundo ao seu redor.

Mas claro, tudo requer equilíbrio. Uma vida frenética é cansativa e sem propósito. É preciso focar e direcionar as nossas energias e saber receber sem precisar constantemente perder.

2. Liberdade e responsabilidade

aguia

Livre como uma águia…ou falcão? Eu nunca fui bom de biologia…

Podem parecer temas distintos, mas liberdade não existe sem responsabilidade.

Em realidade, a maioria das pessoas são livres. Você pode largar seu emprego, sua família e seus amigos e ir morar na floresta. Você também pode tirar a sua roupa e andar nu no meio de São Paulo quando quiser.

Entretanto, também somos responsáveis pelos nossos atos de liberdade. Você terá que lidar com as consequências dos seus sonhos malucos, ou mesmo pelo choque psicológico pela terrível (ou maravilhosa) imagem do seu corpo sem roupas.

Uma pessoa começa a perder a sua liberdade quando delega a sua responsabilidade para os outros. Ela acredita que suas limitações são culpa do governo, dos chefes ou dos parentes.

Lembro de um conhecido que com 20 anos não conseguia sair de casa sem dar satisfação aos pais. O motivo da sua falta de liberdade não era apenas os pais super protetores, mas a sua incapacidade de se cuidar sozinho. Ele aceitava aquilo e não contestava, pois achava que a sua realidade era imutável.

Ser livre significa reconhecer que você é o único responsável por mudar a sua vida. Seja independente!

3. Adaptabilidade e aprendizado

Camaleões se adaptam muito facilmente (quando não são daltônicos)

Camaleões se adaptam muito facilmente (quando não são daltônicos)

Se não existe vida perfeita sem movimento, é preciso saber lidar com tantas mudanças.

A adaptabilidade está intimamente com a capacidade de aprendizado de uma pessoa.

Quem aprende mais? Uma pessoa que está sempre certa, ou uma pessoa que erra constantemente?

Ao desenvolver a habilidade de aprender com nossos erros e problemas, qualquer dificuldade será superável.

4. Saúde

leao

Com esses cabelos, percebe-se que ele usa monange

Ter um bom físico não é importante apenas para fazer trilhas, acasalar e lutar contra dragões.

As vezes, uma pessoa sedentária mal aguenta um dia divertido com os amigos. Ela se sente cansada e vai embora para dormir e perde metade da diversão que as outras pessoas vivem. Você deve conhecer alguém assim, ou mesmo ser alguém assim.

Embora seja algo óbvio, preciso argumentar sobre um bom físico porque mais da metade dos brasileiros estão acima do peso.

Não existe vantagem algum em estar fora de forma, a não ser a sua comodidade.

É extremamente básico para o ser humano que ele pratique atividades físicas e se alimente como gente. Uma vida ideal requer boa saúde e muita energia para lidar com as infinitas possibilidades que veremos pela frente.

5. Espiritualidade

coruja

Você já pediu conselhos pra uma coruja? Nunca entendi por que elas são sábias!

Não estamos falando de religião, espíritos ou misticismo.

Espiritualidade é enxergar a vida além da simples materialidade e números. É a sabedoria aplicada na vida, aquilo que nos diferencia de meros robôs.

Nossos sonhos e metas são, por si só, uma visão espiritualizada da nossa vida. Eles indicam o caminho para um propósito, nos fazendo mais do que meros pedaços de carne ambulante.

6. Desapego e menos expectativas

snake

Elas não se apegam nem à própria pele

O ser humano não É nada e não TEM nada.

Você não É triste. Você está triste. É impossível ser algo se estamos constantemente em mutação. É impossível ser algo se não conseguimos compreender a realidade que nos cerca.

Somos apegados aos nossos defeitos e por isso achamos que não podemos mudar. “Eu sou assim, me aceite”.

Você não tem um carro. Ele não é intrínseco ao seu ser e pode ser roubado, quebrado e destruído em qualquer momento. O TER é uma conveniência das leis humanas, mas na realidade não temos nada. Já viu um animal ter posses?

Seja como uma cobra e deixe sempre a sua pele para trás.

E de tudo isso surge a expectativa. Somos apegados ao controle e ao poder. Acreditamos que nossas previsões e desejos podem controlar o mundo das outras pessoas!

Mas lembre-se: a responsabilidade da sua vida é apenas sua. Aos outros, só cabe aceitar.

7. Grupo

wolf

Lobos sempre estão em grupo, a não ser que seja um lobo solitário

A vida não faz sentido se vivermos sozinhos.

Como diria Christopher McCandless, protagonista real do livro/filme Na Natureza Selvagem: “A felicidade só é real quando compartilhada”.

Sem conviver com formas diferentes de ser e viver, estamos fadados a aguentar o nosso insuportável Eu o tempo todo. O convívio social é puro movimento, além de manter estáveis as nossas faculdades mentais e psicológicas.

Logo, é importante saber conviver e trocar experiências. Somos únicos e incompletos justamente por isso.

8. Gratidão

bixinho

Nham, que cenoura maravilhosa… obrigado Deus!

Ser feliz é essencial para uma boa vida, não há quem discuta! Mas afinal, o que é felicidade?

Para a maioria das pessoas, felicidade gira em torno dos prazeres. Mal sabem elas que quanto mais prazer você tiver, mais vai querer. É um ciclo vicioso que te levará para muito longe de ser feliz.

O contrário também não é verdade. O desprazer obviamente não satisfaz a ninguém.

A chave da felicidade é a temperança, ou seja, o equilíbrio dos nossos desejos.

O estado de felicidade se resume a uma satisfação mínima e suficiente. É uma tentativa de permanência, ainda que não exista nada de permanente no mundo.

Ela é escorregadia como um sabonete. Tente segurá-la com força e ela escapa por entre seus dedos. Qualquer um que busque a felicidade estará cada vez mais distante de ser feliz.

O segredo aqui, meus amigos, é trabalhar a sua mentalidade de gratidão. Quem é grato, sempre está satisfeito.

9. Autenticidade

dog

Eu sou bobo, feliz e estou babando. Não ligo para o que você pensa. Ah, e eu comi seu tênis!

Mas nada mais importante do que encontrar a sua afinação para a vida.

Nenhum item anterior vale a pena se você viver a vida de outra pessoa. Ainda que pareça simples, ser autêntico é um dos maiores desafios possíveis para qualquer um.

Estamos rodeados de medos e desejos que nos moldam. Escondemos nossos defeitos, fugimos de problemas e não aceitamos nossos erros.

Como saber se estamos sendo nós mesmos, ou se estamos vivendo uma adaptação do nosso Ego perante a sociedade?

A resposta não é simples, mas está refletida em como você age e se sente em relação ao seu dia-a-dia. Não existe nada mais autêntico do que uma pessoa que segue firmemente seu propósito e vive com a convicção de um guerreiro.

10. Pizza

pizza

Uma vida perfeita sempre terá pizza.

O quê? Você acha que eu fiz isso apenas para fechar em um número chamativo? Nunca!

Eu simplesmente nunca conheci alguém que não gostasse de pizza. Toda vida boa precisa de pizza…

Brincadeiras a parte, o décimo item é simplesmente: Seja Imprevisível.

Quebre as regras, saia do sistema, não vá para onde todos estão indo. Isto também significa ser autêntico, mas vai muito além!

A única forma de controlar nosso destino é através da imprevisibilidade. Saia do conforto, faça o que você menos gosta, enfrente seus medos.

Se a regra vigente é guardar mágoas e rancores das pessoas, então comece a amar seus inimigos. Aprenda com as suas atitudes, valorize todas as pessoas.

Não seja você mesmo. Vá além do que você mesmo é.

Fim do Manifesto

Calma. E o dinheiro?

É importante diferenciar as causas das consequências.

Segundo todas estas bases, ganhar dinheiro será mais do que natural. A visão da TdV é que a melhor forma de ganhar dinheiro é criando um negócio autêntico em cima dos seus talentos.

Você já deve ter reparado que temos 7 categorias no site. Todas elas foram baseadas em cima deste manifesto orgânico que esperamos incrementar ao longo dos anos.

E para você? O que é necessário para uma vida ideal?

Comente a sua visão de vida e nos ajude a incrementar esta teoria. Sua opinião é muito valiosa!

E se quiser continuar ajudando a formar esta teoria, inscreva-se na nossa newsletter abaixo e acompanhe nossa página do facebook!