Compreenda o significado da sua Realidade de acordo com a Espiritualidade

thumb

Você gostaria de transformar a sua realidade de acordo com as suas vontades?

E se eu disser que você já faz isso o tempo todo? O problema é que embora tenhamos o poder, não temos o controle desta habilidade.

A vida é pura consciência. Duas pessoas podem enxergar um acidente de carro de forma completamente diferentes. Enquanto uma delas culpa o azar e torna a sua vida ainda pior, a outra toma o acidente como oportunidade para desenvolver a sua gratidão.

Você verá que são as crenças de uma pessoa que vão fazer com que ela tenha sucesso. Todas as pessoas que nos inspiram tem algo muito em comum: elas possuem um certo ar de espiritualidade.

Mas primeiro é preciso aprender o que realmente significa Espiritualidade. Além disso, vamos descobrir mais sobre o que é a nossa Realidade e algumas técnicas para despertar o nosso controle sobre as nossas vidas.

Bora?

O que é Espiritualidade?

esp02

Não podemos confundir Espiritualidade com religiosidade ou misticismo. Espiritualidade é simplesmente uma forma de percepção da existência que supera a obviedade captada pelos sentidos físicos.

A espiritualidade não possui dogmas, pois cada indivíduo pode definir os valores que definem o seu próprio caminho.

Você não precisa enxergar espíritos para buscar a espiritualidade, mas acreditar que existe um sentido para a vida é quase que necessário.

Aceitar que somos apenas carne e que tudo acaba quando morremos é justamente o oposto da espiritualidade. Desta forma, viveríamos voltados não só apenas para esta vida, como diminuiríamos a importância daquilo que está além de nós mesmos.

Para você ver, grande parte dos conceitos de espiritualidade partiram das ideologias de grandes filósofos, como Platão, Pitágoras e Sêneca. Muitos cientistas também tiveram ligação com ordens iniciáticas de ocultismo, como Isaac Newton, Leonardo Da Vinci e Benjamin Franklin.

Talvez você prefira não ser uma pessoa espiritualizada, mas lembre-se: a maioria das grandes pessoas da história foram pessoas espiritualizadas.

Alguns pontos principais formam os alicerces da espiritualidade:

  • Acreditar em um propósito para a vida
  • O fato de que, de alguma forma, somos todos um
  • Significados acima de acontecimentos
  • A crença de que devemos progredir para uma versão nossa que seja melhor

Realidade vs Verdade

realidade-v-verdade

Podemos separar a estrutura da existência em duas camadas: a Verdade e a Realidade. Na primeira, as coisas apenas são o que são, independente de um ponto de vista.

No mundo da Verdade, dois são dois e oxigênio é oxigênio. A Verdade é infinita, pois independe da nossa consciência e pode se expandir para diversas dimensões imperceptíveis para nós.

Uma pedra será sempre uma pedra no mundo da Verdade, mas suas características são tantas que pessoas diferentes poderiam interpretá-la de formas diferentes.

Nossa mente possui uma capacidade de compreensão limitada, assim como nossos sentidos são apenas 5. Logo, captamos apenas uma pequena parte de um todo.

Esta representação individual do que existe é considerado a Realidade.

Embora o nascer do Sol seja imutável pelas nossas mãos, a representação deste evento é única para cada um. A Realidade é um filtro do infinito para o finito, de acordo com nossas concepções atuais.

Realidade em multiplos ângulos

“Isto é verdade” – Por favor, considere isto antes de falar

Podemos dizer que, acima dos fatores concretos que são provenientes da nossa lógica, todas as coisas possuem um fator simbólico e arquétipo muito forte. É este poder simbólico que cria um filtro de interpretações pelos nossos valores pessoais e geram imagens diferentes da Realidade.

Sua realidade depende diretamente dos quatro elementos:

  • O que você sente pelos 5 sentidos
  • Como você está se sentindo emocionalmente
  • Seus conhecimentos intelectuais prévios
  • Os seus valores pessoais e a sua essência

Espiritualidade vs Determinismo

esp03

Embora você viva em um mundo determinístico e os fatos sejam fatos, ainda é possível transformar os significados dos acontecimentos.

Em outras palavras, ainda que você leve um tapa no rosto, o livre arbítrio consiste na sua interpretação do evento e é através desta interpretação que decidimos quais linhas de tempo futuras iremos seguir.

A espiritualidade é a ferramenta para criarmos chaves para a nossa vida. Nossas crenças podem abrir ou fechar portas indesejadas.

Uma pessoa determinista pode acreditar que nasceu com dificuldades para aprender. Ela acredita nesta característica como se fosse algo físico e imutável.

o espiritualizado não precisa acreditar em destinos imutáveis. A sua crença pode atrair uma nova realidade, pois é justamente a sua convicção que irá definir a sua vontade e esforço em relação ao aprendizado.

Uma pessoa que não acredita que possui capacidade não terá capacidade. O simples fato de acreditar (ou ter fé) pode gerar oportunidade e abrir canais receptores para que você se transforme.

Quem tem mais chances de ter sucesso? Um homem que trabalha por dinheiro, ou um homem que acredita ter nascido com uma missão, um propósito de vida e que deve cumprir este seu destino de qualquer jeito?

Qual dos dois parece que trabalhará melhor? Qual dos dois poderá ajudar mais pessoas?

Aqui, não nos importa questionar a existência de um propósito de vida. É muito mais útil conferir qual possui melhores resultados e seguir em frente.

Como dominar a sua Realidade

esp01

Se aquilo que vivemos é baseado em nossos sentidos, crenças, emoções e conhecimentos, então dominar a realidade irá depender totalmente da manipulação destes 4 elementos.

Uma das ferramentas mais famosas é a PNL (Programação Neuro Linguística). Com ela, podemos transformar o significado que temos do mundo utilizando recursos sensoriais imaginativos.

Quando uma pessoa sente um medo, ela visualiza aquele medo em cores, gigante, muito próximo a ela. Ao transformar a imagem mental em outra, a deixando pequena, sem cor e distante, o poder simbólico daquela realidade diminui.

Da mesma forma, uma pessoa auditiva ouviria uma voz com palavras marcantes e rudes em um tom agressivo e alto. Transforme a voz em uma versão do Pato Donalds e você verá que ela perde todo o seu poder.

Na TdV, trabalhamos com a abordagem em 4 elementos que pôde ser vista em “Como dominar seus medos”.

Eu conheci um pai que não conseguia fazer com que seu filho arrumasse o próprio quarto. Para a criança, organizar o quarto não faz sentido e é uma tarefa realmente horrível. A Realidade dela percebe a situação desta forma, mas ela pode ser facilmente transformada:

  1. Diga que ele tem uma missão muito importante. Isto irá suprir a necessidade por atenção e importância da criança, mexendo nos valores da tarefa.
  2. Crie uma história fantástica, com robôs ou dragões. Assim, você transforma a sensação sensorial através da imaginação.
  3. Explique porque o que ele está fazendo é importante. A maioria das coisas chatas parecem não fazer sentido. Ao explicar o significado da tarefa, a criança entenderá logicamente a missão.
  4. Atribua alguma premiação, mesmo que seja apenas um elogio sincero. Isto irá mexer com o seu emocional e irá ligar o reforço positivo com a tarefa.

Da mesma forma, somos como crianças que não conseguem arrumar o quarto.

Ir para a academia pode ser um inferno ou um grande prazer. As pessoas que não conseguem malhar realmente enxergam aquilo como uma tortura!

Mas é fácil transformar uma realidade destas em algo melhor:

  • Crie um jogo e comece a contar pontos por dias de academia. Atribua premiações (que não envolvam comida) para serem trocadas pelos pontos.
  • Divulgue todos os resultados positivos nas redes sociais.
  • Busque por amigos que estão na mesma situação ou faça amigos. Acredite, muitas pessoas estão na mesma situação que você!
  • Pense logicamente sobre a sua saúde e sobre a sua atividade energética. Você verá que não faz sentido nenhum em continuar sendo sedentário.

Claro, você não precisa ir para a academia, mas você pode se convencer e acabar gostando disso.

No meu caso, começar a praticar uma arte marcial foi difícil, mas assim que comecei a me imaginar como um guerreiro, tudo ficou mais fácil. Eu não queria manchar a minha honra faltando ao treino. Qual seria minha desculpa se eu morresse em batalha? “Ah, eu morri por preguiça…”. Nunca que eu poderia aceitar isso!

Conclusão

 

Nós nos preocupamos muito em como as coisas estão acontecendo, quando na verdade é melhor gastar energias pensando em como estamos vivendo aquilo.

Ao viver situações de forma diferente, acabamos abrindo caminhos novos e mais interessantes.

Proponho um exercício. Antes de dormir, pense em pelo menos três coisas no qual você deve gratidão no seu dia. Pode ser a mera existência dos seus pais, o sorriso da sua esposa ou os milhões que você ganhou na loteria.

Você verá que, ao criar este hábito, a sua Realidade já estará se tornando muito mais positiva e produtiva.

E se você já teve alguma experiência de domínio da sua Realidade, não deixe de compartilhar nos comentários para, quem sabe, ajudar mais pessoas!